Não moro no Brasil: Mudança

14:00:00 moneynobolso 0 Comments



Olá muchachos!

Como vocês estão? Bem?
Eu estou bem, graças a Deus!

Inicialmente, gostaria de agradecer a todos que estão me ajudando com a página. É muito gratificante o apoio de todos! Muito obrigada mesmo! Vocês são os muchachos mais lindos da vida!

Vamos falar sobre mudança?
Acho que todo mundo se muda ao menos uma vez na vida. Eu sou uma dessas pessoas. Me mudei da casa dos meus pais depois que casei. Nunca tinha me mudado antes.
Como a mudança foi para outro país, eu tinha que ser seletiva com o que iria levar. Pesquisei muito, li livros e fui me organizando aos poucos. Como comigo funcionou bem, não estou sentindo falta de nada que deixei na casa dos meus pais ou que me desfiz, vim compartilhar com vocês minha experiência e como fiz essa mudança.

  • DESCARTE.
A primeira coisa que eu fiz foi faxinar minhas coisas. Doei as roupas que não usava mais. Joguei fora os papeis que não me serviam mais e até o computador passou por uma limpeza: mandei formatar e colocar um antivírus que evitasse possíveis problema. Nossa! Mas porque tão radical? Eu fiquei com medo do computador ter algum problema, então formatei e coloquei um antivírus, já que não conhecia nada por aqui, para um possível conserto.
Uma ajuda grande com o descarte veio do livro A mágica da Arrumação da Marie Kondo. Ele fala sobre um método de organização, onde você só guarda o que utiliza. Soa um pouco minimalista, né? Mas não chega ser tão radical quando... Acredite!
Se suas coisas ainda estão muito novas, faz um bazar! Além de se livrar da bagunça, você pode ganhar uma graninha.

  • INFORME-SE.
Onde você vai morar? Como é o clima por lá? É perto da cidade, ou você terá de 'viajar' para conseguir comprar alguma coisa?
Tudo isso é importante. Se o local é quente, acho que você não vai precisar daquele sobretudo que você usou umas quatro vezes, certo? Se é frio, provavelmente você não vai precisar de mini saia ou dos 10 shorts jeans que possui. Seja seletiva e tenha em mente que lá também tem roupas e cosméticos. Você não precisa fazer estoque das coisas só porque está se mudando.

  • CUIDADO COM A QUANTIDADE.
No meu caso, eu levei o que costumava usar. E os cosméticos?  Eu levei o que estava aberto. Estava tentando economizar e sabia que aqui seria mais fácil comprar. Além do que, eu tinha um limite de peso para trazer, então priorizei outras coisas.

  • ORGANIZANDO A MALA.
Eu só trouxe uma mala grande e uma mochila de mão com os eletrônicos. No entanto, apesar de pouca coisa, é bom setorizar suas coisas. No meu caso, eu separei em necessaires e outras bolsas. Para ter tudo separado e não ficar procurando para guardar depois. Se você vai se mudar para mais perto, coloque nome nas caixas, ou etiquetas nas malas. Para saber o que tem dentro e já deixar no cômodo a que pertence.

São poucas dicas, mas são bem funcionais.

Espero que te ajude.


Xero muchahos!

Deixa seu comentário

0 comentários: